Quase 38 mil eleitores de MS podem ter o título cancelado

Geral Imprimir
Terça-Feira, 18 de Abril de 2017 - 11h13

ampo Grande tem mais de 12 mil eleitores com o risco de ter o título cancelado. Em todo Mato Grosso do Sul são 37.959 eleitores nessa situação. São pessoas que deixaram de votar e justificar em três eleições consecutivas. Vale lembrar que cada turno é considerado uma eleição.
Para que não tenham o título cancelado, esses eleitores devem procurar a Justiça Eleitoral até o dia 2 de maio. No interior, eles precisam procurar o cartório eleitoral.
Na capital, os eleitores faltosos devem comparecer à Central de Atendimento ao Eleitor, no Parque dos Poderes, ou um dos postos de atendimento da Justiça Eleitoral localizados nos Fáceis ou no Centro Integrado de Justiça (Cijus).
Eles devem levar documento de identificação com foto, título eleitoral, e os comprovantes seja de votação, justificativa eleitoral, recolhimento de multa ou de dispensa de recolhimento.
Quem tiver o título cancelado fica impedido, entre outras coisas, de tirar passaporte e CPF, inscrever-se em concurso ou prova para cargo ou função pública, ou mesmo tomar posse e renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.
De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS), Campo Grande possui 598.124 eleitores e Mato Grosso do Sul 1,88 milhão.
Confira os locais de atendimento da Justiça Eleitoral na Cap

Fonte: G1 MS

© 2010-2017 - Todos os direitos reservados - Portal do MS - contato@portaldoms.com.br