Em enquete, Bolsonaro, Lula e Dória lideram ranking popular para presidência do Brasil

Política Imprimir
Terça-Feira, 18 de Julho de 2017 - 07h58

Em tempos de insatisfação política e econômica, a enquete da semana no TopMídiaNews perguntou aos leitores sobre em quem, afinal, depositariam a confiança de seus votos para ocupar a cadeira da presidência do Brasil. Entre treze conhecidos nomes já ‘na boca no povo’ para a concorrência ao cargo, foram ranqueados nomes mais escolhidos para a questão ‘se a eleição fosse hoje, você votaria em quem para presidente da República?’.

Em primeiro lugar, com 35% dos votos dos participantes, está o deputado federal Jair Messias Bolsonaro (PSC), que ganhou ‘fãs’ colecionando declarações polêmicas, o que também lhe rendeu porção considerável de repúdio popular. Em seguida, com 18% dos votos, aparece o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), recém-condenado por corrupção e lavagem de dinheiro, mas que também tem fiéis defensores.

Empatado com Lula, aparece tucano João Dória (PSDB), prefeito da cidade de São Paulo, SP, até então conhecido empresário. Na terceira posição, com 11%, está o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, seguido pelo juiz ‘símbolo’ da Operação Lava Jato, Sérgio Moro, na 4ª posição, com 8% dos votos; e o apresentador de televisão Luciano Huck, em 5º lugar, com 3% dos votos.

Opção de 2% dos participantes da enquete, estão empatados o ex-ministro e ex-governador do Ceará, Ciro Gomes (PDT), a ex-senadora Marina Silva (Sustentabilidade) e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Com 1% dos votos, aparece o atual presidente do Brasil, Michel Temer (PMDB), em decadência constante de popularidade após ser citado em diversas delações na Operação Lava Jato.

Na ‘lanterna’, com 0% dos votos, empataram o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), o senador Ronaldo Caiado (DEM) e o senador e ex-governador de Minas Gerais, também na mira da Justiça, Aécio Neves (PSDB).

Fonte: Topmidianews

© 2010-2017 - Todos os direitos reservados - Portal do MS - contato@portaldoms.com.br