C. Grande: Santa Casa tem só 6 leitos ativos, mas recebe 28 vítimas de acidente por dia

Saúde Imprimir
Quarta-Feira, 26 de Julho de 2017 - 21h51

Em apenas quatro dias, a Santa Casa de Campo Grande atendeu 112 vítimas de acidentes de trânsito, uma média de 28 por dia. Deste total, 58 pacientes tiveram de ser encaminhados ao setor de pré-ortopedia, que conta com apenas seis leitos ativos.

Devido a demanda em decorrência dos acidentes, o setor está sempre superlotado. De acordo com médico responsável pela pré-ortopedia, Demetrius Ismael, 75% dos pacientes que são encaminhados ao setor são vítimas do trânsito imprudente.

“A maioria é vítima de acidente de moto. Estes pacientes chegam aqui com várias fraturas pelo corpo. Muitas vezes um paciente precisa fazer três, quatro, cinco cirurgias diferentes, o que demanda muito tempo”, afirma.

Somente entre os dias 21 a 24 de julho, foram realizadas 140 cirurgias ortopédicas. No mês de junho, o centro cirúrgico realizou 1951 cirurgias ortopédicas. Em março, a Santa Casa bateu recorde histórico na realização de cirurgias e a especialidade que mais realizou procedimentos foi a ortopedia com 2.123 cirurgias em pacientes de média e alta complexidades. Em 2016, foram 19.058 cirurgias ortopédicas, uma média de 1.500 cirurgias a cada mês.

Recentemente, a Santa Casa diz que implantou uma equipe cirúrgica extra para minimizar o excesso de demanda que o trânsito impõe ao hospital. Com essa conduta, o tempo de espera por uma cirurgia de trauma diminuiu. Hoje, aguardam por cirurgia 13 pacientes com traumas de média e alta complexidades e devem ser operados nas próximas horas.

Fonte: CG News

© 2010-2017 - Todos os direitos reservados - Portal do MS - contato@portaldoms.com.br