Dia dos Pais deve injetar R$ 153 milhões na economia de Mato Grosso do Sul

Valor é referente aos gastos com presentes e comemorações

Economia Imprimir
Quarta-Feira, 02 de Agosto de 2017 - 08h02

Dia dos Pais deve injetar R$ 153 milhões na economia de Mato Grosso do Sul, sendo 52% para aquisição de presentes e 48% destinado para comemorações, segundo pesquisa de intenção de compras divulgada hoje pela Fecomércio.

Conforme o levantamento, 50,39% dos entrevistados afirmaram que irão presentear os pais na data e valor médio do presente será de R$ 124, o que representa aumento de 5% em relação ao ano passado, quando preço médio foi de R$ 118.

Preferência dos consumidores são artigos de vestuário (40%), calçados (14%) e perfumes (13%). Quanto ao local de compra, lojas do centro são preferências de 79,08%. A maioria pretende fazer as compras na semana da data comemorativa.

Já com relação as comemorações, gasto médio deve ser de R$ 141, sendo 56% do valor destinado a alimentação e 34% para bebidas.

“É uma parcela muito significativa que vai comemorar e, por isso, toda cadeia que trabalha com alimentação, desde mercado até mesmo os delivery, devem se programar para atender essa clientela”, disse a economista do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Fecomércio, Daniela Dias.

Segundo a economista, em Campo Grande, aumento no volume de vendas é de 16% em relação ao mesmo período do ano passado e é explicado pelo número maior de consumidores indo às compras.

Para o presidente do Sistema Fecomércio, perspectiva é de melhoras na movimentação do comércio durante o segundo semestre do ano.

Pesquisa foi realizada em Aparecida do Taboado, Aquidauana, Anastácio, Campo Grande, Chapadão do Sul, Corumbá, Ladário, Dourados , Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã, São Gabriel do Oeste e Três Lagoas.

Fonte: CG News

© 2010-2017 - Todos os direitos reservados - Portal do MS - contato@portaldoms.com.br