Sanesul será investigada por contratar escritório de advocacia mesmo com jurídico próprio

O caso será analisado pelo promotor Humberto Lapa Ferri

Geral Imprimir
Segunda-Feira, 07 de Agosto de 2017 - 09h34

A Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) será investigada por contratar um escritório de advocacia em Campo Grande sem licitação, mesmo tendo corpo jurídico próprio. O caso será analisado pelo promotor Humberto Lapa Ferri, da 31ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social.

De acordo com o inquérito civil publicado nesta segunda-feira (7), no diário do MPE (Ministério Público Estadual), a Sanesul possui corpo próprio de advogados, conta com dois escritórios terceirizados para prestação de serviços jurídicos e, ainda assim, contratou o escritório de advocacia Marcelo Vieira Advogados Associados por “inexigibilidade de licitação”.

Os detalhes do processo foram colocados em sigilo pelo promotor Humberto Ferri. A reportagem entrou em contato com a assessoria do governo para detalhes sobre a contratação, mas não recebeu resposta até o fechamento desta matéria.

Fonte: Topmidianews

© 2010-2017 - Todos os direitos reservados - Portal do MS - contato@portaldoms.com.br