Traficante paraguaio ostenta dinheiro na internet e acaba preso na fronteira

Polícia Imprimir
Domingo, 12 de Novembro de 2017 - 10h16

Agentes da Divisão Antidrogas da Policia Nacional Paraguaia prenderam, neste sábado (11) Felipe Iván Diaz Villalba, conhecido como “milionário do Whatsapp”, por postar imagens na rede social, ostentando fortuna em dólares, joias e carros de luxo.

Também foi preso o irmão de Felipe, Fabio Diaz Villalba. Os dois são suspeitos de pertencer a organização criminosa, que trafica maconha no Brasil.

De acordo com informações do jornal ABC Color, as prisões ocorreram durante operação no bairro Mariscal Estigarribia, em Pedro Juan Caballero, capital de Amambay e na divisa com a cidade sul-mato-grossense de Ponta Porã.

Com os irmãos, foram encontrados US$ 9,6 mil, dez armas de diferentes calibres e modelos, vários veículos e diversas joias de ouro.

Villalba se tornou alvo de investigações depois de postar imagens de ostentação no Whatsapp, com dólares, carros e outros objetos.

A polícia buscará, agora, descobrir as procedências dos bens. A suspeita é de que resultam de ações ligadas ao tráfico internacional de drogas, com ramificação no Brasil.

Fonte: ABC Color

© 2010-2017 - Todos os direitos reservados - Portal do MS - contato@portaldoms.com.br