Advogado é executado com pelo menos três tiros na fronteira

O corpo de Hudson Silva Polvora, 37 anos, foi encontrado em uma estrada vicinal

Polícia Imprimir
Segunda-Feira, 02 de Abril de 2018 - 08h05

O advogado brasileiro Hudson Silva Polvora, 37 anos, foi encontrado morto na tarde deste sábado (31) em uma estrada vicinal na fronteira entre Ponta Porã e a cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero. A vítima foi morta com pelo menos três tiros.

Segundo o jornal Porã News, o corpo do advogado foi encontrado por moradores que passavam pelo local. Hudson estava na beira da estrada e a polícia acredita que ele foi levado até o local para ser executado.

A estrada vicinal fica em uma colônia perto de Lorito Pikada, 57 quilômetros distante de Pedro Juan Caballero na fronteira com Ponta Porã.

Agentes da Polícia Técnica e da Divisão de Homicídios foram até o local e colheram informações que podem ajudar no esclarecimento do caso.

O corpo foi encaminhado para o IML (Instituto de Medicina e Odontologia) do Hospital Regional de Pedro Juan Caballero.

Fonte: CG News

© 2010-2018 - Todos os direitos reservados - Portal do MS - contato@portaldoms.com.br