Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020

Neymar fala sobre pênalti deixado para Cavani e revela torcida no Mundial:


Destaque em goleada do PSG sobre o Galatasaray, atacante diz que ato com uruguaio não foi por reconciliação, comenta sobre críticas e conselho a Gabigol:
Neymar dá a bola para Cavani cobrar pênalti contra o Galatasaray — Foto: Franck Fife/AFP

                         Neymar teve uma noite de gala em Paris na quarta-feira. Foi destaque com um gol e duas assistências na goleada por 5 a 0 do PSG contra o Galatasaray, pela Liga dos Campeões. Mas o que mais chamou atenção foi uma atitude do camisa 10. No pênalti que originou o quinto gol, o brasileiro deu a bola para Cavani cobrar. Um ato para acabar com as polêmicas envolvendo o uruguaio e a torcida do Paris? Segundo Neymar, não.

                           “Eu não fiz isso para reconciliar com ninguém, meu primeiro pensamento é no grupo, na equipe. Individualismo no futebol não cabe. Se quisesse isso, jogaria tênis. Jogaria sozinho”, declarou Neymar, em entrevista ao “Esporte Interativo".

                          É futebol. Tem que ficar todo mundo bem. Ele (Cavani) precisava disso. Todo atacante precisa de um gol. Ele ficou contente, eu fiquei feliz. Esse é o caminho. Todo mundo precisa melhorar. Isso que importa – completou o atacante brasileiro.

                            Cavani foi reserva e entrou no segundo tempo da partida. Foi titular apenas cinco vezes na temporada e marcou apenas seu terceiro gol. O ato de Neymar repercutiu devido à discussão que ambos tiveram no início da passagem do brasileiro no PSG, em setembro de 2017, após o uruguaio se recusar a dar a bola ao camisa 10.

                              Em entrevista ao canal “Esporte Interativo”, Neymar também revelou para quem vai torcer no Mundial de Clubes. Com amigos no Liverpool e no Flamengo, o atacante do PSG não hesitou em responder: quer ver o Rubro-Negro campeão no Catar.

                               “Tenho amigos nos dois. Firmino e Alisson são grandes amigos, o Flamengo tem o Gabriel, Rafinha, Diego, Felipe (Luís)... mas vou ficar com o time brasileiro. Vou ficar com o Mengão”, declarou Neymar

                                  Sou brasileiro, espero que possam terminar esse grande ano. Fizeram história já, espero que possam continuar fazendo e ser campeão mundial – disse o atacante.


Fonte: Globo.Com