Quarta-Feira, 30 de Setembro de 2020

Nova cédula de R$ 200 chega às agências de Campo Grande na próxima semana


Foto: Divulgação

A nova cédula de R$ 200 que já foi colocada em circulação pelo Banco Central do Brasil na quarta-feira (2), deve começar a circular em Campo Grande na próxima semana, a partir do dia 9. O Banco Central do Brasil havia informado que ainda não havia previsão para que chegasse em Mato Grosso do Sul.

Conforme informou a assessoria de imprensa do Banco do Brasil ao Jornal Midiamax, a nota deve ser abastecida nos caixas eletrônicos das agências na Capital dia 9. A partir desta quinta-feira (3), a nota, estampada com o lobo-guará, já estará disponível nos bancos da rede em 10 capitais do país e nas demais cidades, deve começar a distribuição na próxima semana.

“A partir desta quinta, 3, as cédulas já estarão em outras agências de dez capitais. A previsão de início da distribuição em Campo Grande (MS) é na quarta-feira, 09/09”, disse o Banco do Brasil por meio de nota. Ainda não há informações sobre a disponibilidade da nota em outras agências.

O Banco Central do Brasil havia esclarecido que distribuiria as cédulas conforme a demanda. Vale lembrar que muitos moradores viajam para outros estados e, MS também recebe visitantes de outras regiões do país, que podem trazer e colocar a nota em circulação.

Nova cédula

Segundo o Banco Central, o motivo do lançamento é para “atender ao aumento da demanda por dinheiro em espécie que se verificou durante a pandemia de covid-19”. Um dos motivos para isso seria o que o Banco Central chama de “entesouramento”, que é o dinheiro guardado em casa.

A nova cédula tem o mesmo tamanho da nota de 20 reais da Segunda Família, e suas cores predominantes são cinza e sépia. “Ela possui elementos de segurança que também estão em outras denominações e já são conhecidos pela população, como o número que muda de cor e a marca-d’água.

Em 2020, serão impressas 450 milhões de cédulas de 200 reais. As novas notas serão colocadas em circulação por intermédio da rede bancária, e a distribuição vai ocorrer de acordo com a demanda”, disse o Banco. 


Fonte: Midiamax