Sexta-Feira, 30 de Outubro de 2020

Los Angeles Lakers vence Miami Heat e é Campeão da NBA


Na noite do último domingo, LeBron James escreveu seu nome na história do basquete mais uma vez. O camisa 23 venceu o título NBA com o Los Angeles Lakers, superando o Miami Heat nas finais. Agora, um dos maiores atletas da história pode comemorar dois dos maiores títulos de diferentes esportes na mesma temporada. O craque também foi campeão inglês com o Liverpool.

Desde 2011, o astro norte-americano é dono de pequena porção dos Reds. Na época, LeBron adquiriu 2% das ações do time de Anfield por "apenas" US$ 6,5 milhões. E pode-se dizer que o investimento já deu um ótimo retorno. A mesma porcentagem hoje vale US$ 43,6 milhões, segundo a revista Forbes.

Pouco depois de comprar as ações dos Reds, LeBron explicou o motivo de escolher o Liverpool. "Sempre que há muita história e muito poder por trás dela, há um grande potencial para continuar essa expansão. Existem algumas equipes e logotipos que você vê, não importa onde você esteja no mundo, e você sabe exatamente quem são e o que significam. 

Após receber o título de MVP (jogador mais valioso) das finais da NBA de 2020, LeBron James falou sobre respeito. E pode-se dizer que ele também faz parte da recuperação de prestígio do Liverpool. Desde que o craque se tornou acionista do clube, os Reds conquistaram a Inglaterra (Premier League 2019/20), a Europa (Liga dos Campeões 2018/19) e o mundo (Mundial de Clubes 2019).

Maverick Carter, um dos parceiros mais próximos de negócios de LeBron, comentou em 2018 sobre a relação do campeão da NBA com o clube inglês. "É muito emocionante ver um time com tanta história caminhando de volta para o topo e poder fazer parte disso. LeBron ama o fato de poder se envolver em outro esporte de proporções globais", disse Carter à ESPN.

Pela distância entre EUA e Inglaterra, agenda cheia de compromissos e, no momento, a pandemia, LeBron James raramente aparece nas tribunas de Anfield para apoiar seu time, mas ouvir You'll Never Walk Alone" no estádio marcou o jogador. "Estar em Anfield e ver 40.000 torcedores gritando a plenos pulmões, o jogo inteiro, foi uma experiência incrível para mim".

O melhor jogador das finais de 2020 da NBA pode não ser um dos torcedores mais tradicionais do time, mas abraçou a causa e não são raras as manifestações de apoio aos Reds. Há quem diga, ainda, que LeBron foi um dos principais responsáveis pelo novo contrato do Liverpool com a Nike, marca com quem o astro tem contrato vitalício.

Assim como Michael Jordan influenciou muitos de sua geração, LeBron James segue os mesmo passos, expandindo negócios e quebrando barreiras entre esportes para ser uma figura cada vez mais global. E o Liverpool faz parte desse plano ambicioso, e até agora bem-sucedido, do astro do Lakers.

 


Fonte: Terra