Quarta-Feira, 27 de Janeiro de 2021

Sem dados de MS, Banco do Brasil vai iniciar fechamento de agências em fevereiro


Em todo o país, serão fechadas 112 unidades e a previsão é demitir 5 mil funcionários
Imagem ilustrativa

O BB (Banco do Brasil) anunciou na segunda-feira (11) o fechamento de 112 agências pelo Brasil e a abertura de dois programas de demissão voluntária, com expectativa de adesão de cerca de 5 mil funcionários.

Porém, a instituição não informou quantas agências serão afetadas pela decisão em Mato Grosso do Sul. “Por ora, estamos divulgando apenas dados nacionais, mas esclarecemos que os clientes serão comunicados com antecedência, e que o processo de fechamento dessas agências será iniciado em fevereiro”, diz a nota.

Além das agências, serão fechados 7 escritórios e 242 postos de atendimento – no primeiro semestre de 2021.

Demissões

As chamadas modalidades de desligamento incentivado voluntário aos funcionários são as seguintes:

Programa de Adequação de Quadros (PAQ), a fim de otimizar a distribuição da força de trabalho, equacionando as situações de vagas e excessos nas unidades do banco. Além da opção de desligamento, o PAQ incentiva movimentações laterais para unidades onde existam vagas.

Programa de Desligamento Extraordinário (PDE), disponível a todos os funcionários do BB que atenderem aos pré-requisitos e é específico para o incentivo ao desligamento, com limite de 5 mil adesões.

Os programas possuem regulamentos específicos que estabelecem as regras para adesão, que não foram especificados no fato relevante anunciado aos investidores.

Programa de Desligamento Extraordinário (PDE), possui o limite de 5 mil adesões, é disponível a todos os funcionários do BB que atenderem aos pré-requisitos e é específico para o incentivo ao desligamento.

O número final de adesões, assim como o impacto financeiro, serão informados ao mercado após o encerramento dos períodos de adesão, que ocorrerá até 5 de fevereiro, informa o banco.


Fonte: Midiamax