Sexta-Feira, 05 de Marco de 2021

Presidente da Alems, Paulo Corrêa assume como governador em exercício de MS


Ele tomou posse devido às férias do governador Reinaldo Azambuja e ao afastamento do vice-governador Murilo Zauith, diagnosticado com Covid-19 na última quinta-feira (21).
Paulo Corrêa ficará como governador interino até o dia 30 de janeiro - Foto: Bruno Henrique / Correio do Estado

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, deputado Paulo Corrêa, assumiu o comando do Governo do Estado nesta terça-feira (26) em ato na Governadoria. Ele tomou posse como governador em exercício devido às férias do governador Reinaldo Azambuja e ao afastamento do vice-governador Murilo Zauith, diagnosticado com Covid-19 na última quinta-feira (21). 

Paulo Corrêa ficará à frente do Governo do Estado por cinco dias, entre 26 e 30 de janeiro. “É uma questão constitucional. Depois do governador e do vice-governador, assume o presidente da Assembleia. Nesse tempo, procuraremos cumprir a agenda de trabalho já organizada pelo governador Reinaldo Azambuja”, explicou Paulo Corrêa.

O primeiro compromisso oficial do governador em exercício acontece já na tarde desta terça-feira. Paulo Corrêa vai se reunir com o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, para tratar da vacinação contra a Covid-19 em Mato Grosso do Sul. “A transparência na vacinação é importante, pois a população quer saber. Esse assunto de furar fila não é legal, vamos tomar providências para que o processo seja feito de forma transparente”, destacou. 

Já na quarta-feira (27), Paulo Corrêa vai percorrer os municípios de Bonito, Chapadão do Sul e Três Lagoas para vistoriar, entregar e lançar obras. “É uma agenda governamental, que já estava prevista”, destacou. Os horários e outros detalhes dos compromissos no interior do Estado ainda serão divulgados.

Participaram do ato de posse do governador em exercício os secretários estaduais Antônio Carlos Videira (Justiça e Segurança Pública), Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica), Felipe Matos (Fazenda), Geraldo Resende (Saúde), Jaime Verruck (Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e Sérgio de Paula (Gestão Política); os secretários-adjuntos Édio Resende (Educação) e Flávio César (Governo e Gestão Estratégica); a procuradora-geral do Estado, Fabíola Marquetti; e a consultora legislativa do Governo do Estado, Ana Carolina Ali Garcia.


Fonte: Portal do MS