Domingo, 18 de Abril de 2021

No pior mês da pandemia, Naviraí registra 44 mortes e média elevada de casos de Covid-19


Ação do Governo de decretar isolamento social é para evitar que pessoas morram sem socorro médico. Hospitais poderão entrar em colapso.
Naviraí

Pela terceira semana seguida, Naviraí vem registrando números elevados de casos de Covid-19. Desde o último boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica, 5.338 pessoas foram contaminadas e 118 morreram, sendo 44 apenas nestes 25 dias do mês.

As semanas de março foram as piores desde o início da pandemia. Nesta quinta-feira, (25) foram 59 novas notificações e a Gerência de Saúde do Município informou a existência de 145 casos em investigação. 

Dos contaminados de Naviraí 80 estavam hospitalizados, ontem quando o boletim foi finalizado, sendo desse total 25 em UTI e 55 em leitos clínicos. Em nível estadual a pandemia também é motivo de preocupação, nesta sexta-feira (26) o Mato Grosso do Sul tem 1.144 pessoas internadas, sendo 656 em leitos clínicos (433 público; 223 privado) e 488 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) (354 público; 134 privado). 

A ocupação global de leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS) na macrorregião de Campo Grande está em 113%; Dourados 91%; Três Lagoas 100% e Corumbá 100%, conforme os dados do boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES).

“Não há mais leitos. Nem se você tiver condição financeira de ir para outro Estado”, disse hoje a secretária adjunta de Saúde, Christinne Maymone.

O governador do estado, Reinaldo Azambuja, assegura que para o sistema de saúde não colapsar, é necessário o isolamento. “Sabemos da contrariedade de alguns segmentos da economia, mas agora não tem outra alternativa”, declara.


Fonte: Redação