Segunda-Feira, 23 de Setembro de 2019

Mulher é arrastada para mata e ferida com 14 facadas no Jardim Carioca


A Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) investiga se ela foi vítima de estupro e roubo

Uma mulher de 31 anos foi socorrida em estado grave após sofrer 14 facadas na tarde desta segunda-feira (29), no Jardim Carioca, região oeste de Campo Grande. A polícia investiga se ela foi vítima de estupro e roubo.

Informações preliminares apontam que a mulher foi abordada na Rua Nara Leão e arrastada para a mata. Lá, foi esfaqueada várias vezes pelo suspeito. Mesmo ferida, conseguiu pedir ajuda a pessoas a quem passavam pelo local, foi socorrida e levada para a Santa Casa de Campo Grande.

No hospital, a vítima foi levada para o centro cirúrgico em estado grave. Conforme o Corpo de Bombeiros, ela foi atingida por três facadas no pescoço, quatro no abdômen, quatro na região dorsal, duas no braço esquerdo e uma na mão. 

Dois crimes - De acordo com a delegada Ana Luiza Noriler da Silva Carneiro, a suspeita é de que a mulher tenha sido vítima de estupro e também roubo. Familiares afirmaram à polícia que ela saiu de casa com uma bolsa, não localizada após o crime. “Ainda não confirmamos. Não conseguimos falar com a vítima, que está no centro cirúrgico”, explicou.

Responsáveis pelo socorro à vítima também devem ser ouvidas pela investigação, que no fim desta tarde voltou ao local do crime para perícia. O caso foi registrado na Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher).


Fonte: Campo Grande News