Segunda-Feira, 23 de Setembro de 2019

PF e PRF se unem em operação contra cigarreiros e policiais corruptos


Organização criminosa envolve policiais e começou a ser investigada em julho de 2018
Arma e munições apreendidas durante a operação. (Foto: Divulgação/PRF)

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (31), a operação 'Trunk', contra organização criminosa, com participação de policiais, responsável pelo contrabando de cigarros no Brasil. A ação conta com apoio da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e cumpre mandados de prisão e busca em apreensão em Mato Grosso do Sul, São Paulo e Paraíba.

Segundo a PF, o grupo começou a ser investigado em julho de 2018 após a apreensão de um caminhão carregado com mais de 430 mil maços de cigarros contrabandeados em Mato Grosso do Sul. No decorrer das investigações, outros 19 veículos foram apreendidos com carregamentos semelhantes e 26 pessoas foram presas. 

Conforme a polícia, as investigações apontam a participação de policiais na organização criminosa. Eles recebiam propina para facilitar a entrada dos cigarros contrabandeados no Brasil.  

Em Mato Grosso do Sul estão sendo cumpridos oito mandados de prisão preventiva em Campo Grande, Dourados, Ponta Porã e Rio Brilhante. Em São Paulo, os mandados serão cumpridos em Embu-Guaçu e na Paraíba, no município de São Bento.

Ainda segundo a polícia, os valores de produtos ilícitos apreendidos ultrapassam os R$ 70 milhões.


Fonte: Campo Grande News