Domingo, 24 de Outubro de 2021

Em fila de espera, 150 pacientes aguardam por um leito no Estado


São 1.124 pessoas internadas hoje em Mato Grosso do Sul, de acordo com Boletim da Secretaria de Estado de Saúde
Foto: Ilustrativa

 

Existem 150 pacientes esperando por um leito nesta quinta-feira (17) em Mato Grosso do Sul, de acordo com o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES).

Na Central de Regulação da Capital, 120 enfermos aguardam por uma vaga, sendo 98 apenas de Campo Grande.

Já na Central de Regulação de Dourados, 14 pessoas estão na fila aguardando um leito em hospitais. Na Central de Regulação do Estado (CORE) aguardam 16 pacientes.

São 1.124 pessoas hospitalizadas, sendo 582 em leitos clínicos (399 público; 183 privado) e 542 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) (418 público; 124 privado).

A ocupação global de leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS) na macrorregião de Campo Grande está em 109%, Dourados em 94%, Três Lagoas 97% e Corumbá 100%.

Mato Grosso do Sul confirma 36 óbitos e 1.869 casos nas últimas 24 horas. Com isso, totaliza 7.671 mortes e 319.490 testes positivos desde o início da pandemia.

A média móvel de mortes está em 50.3 e a taxa de letalidade segue em recorde de 2,4%. A média móvel de casos é de 1.588,0 e a taxa de contágio está em 1,10.

Em um dia, Campo Grande registra 601 novos casos; Dourados 137; Três Lagoas 80; Ivinhema 75; Corumbá 68; Maracaju 68; Paranaíba 65; Naviraí 52; Aquidauana 50; Bataguassu 37; Cassilândia 37; Anastácio 28; entre outros municípios. 

As cidades que apresentaram mortes nas últimas 24 horas são Campo Grande, Paranaíba, Bonito, Dourados, Ponta Porã, Três Lagoas, Água Clara, Amambaí e Brasilândia.

Corumbá, Coxim, Fátima do Sul, Itaporã, Nioaque, Rio Brilhante, Terenos e Selvíria também entram na lista.

 


Fonte: Redação