Terca-Feira, 28 de Setembro de 2021

Gerência de Assistência Social desenvolve campanha contra Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes


Foto: Roney Minella

A Prefeitura de Naviraí, através da Gerência de Assistência Social e do Núcleo da Proteção Social Especial deflagraram, no último dia 8 de maio, a campanha “Maio Laranja” de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

 

A campanha conta com apoio e participação de todos os órgãos ligados à defesa e proteção dos direitos das crianças e adolescentes, dentre eles, o Conselho Municipal de Assistência Social, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente (CMDCA), Conselho Tutelar, Defensoria Pública e Ministério Público Estadual.

 

A Gerência de Assistência Social, considerando que 18 de maio é Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, programou para esta terça-feira, às 8 horas da manhã, na sede da Assistência Social, o lançamento oficial do “Maio Laranja” que em 2021 tem o tema: “Faça Bonito – Proteja nossas crianças e adolescentes”.

 

Na segunda-feira (17), as equipes finalizavam os preparativos do lançamento do evento, decorando e enfeitando a entrada da sede da Assistência Social, pintando a calçada com o principal símbolo da campanha, uma flor laranja.

 

“Convido todos para o lançamento desta campanha que faremos de forma remota, através de live no Facebook da Prefeitura de Naviraí”, anuncia a gerente Lucinéia Pulquério Franciscatti (Assistência Social).


ENTENDA A CAMPANHA

Esta data de 18 de maio é considerada uma conquista, pois, demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes e serve para conscientizar a sociedade brasileira, as autoridades sobre a gravidade da violência sexual e da exploração sexual na vida de meninas e meninos.

É importante compreender que a violência sexual pode ocorrer de diversas formas: o abuso acontece quando a criança ou adolescente é usado para satisfação sexual de uma pessoa mais velha e a exploração sexual envolve uma relação de mercantilização, onde o sexo é fruto de uma troca, seja de presentes, financeira e de favores.

 

A campanha visa a conscientização e, sobretudo, fazer o enfrentamento do problema, por isso, busca o envolvimento da família, dos órgãos públicos e da sociedade em geral. Para denúncias de qualquer tipo de abuso ou exploração sexual de crianças e adolescentes existe o número de telefone 100, intitulado “Disque 100”.


Fonte: Prefeitura de Naviraí