Sábado, 12 de Junho de 2021

Agente sanitário é agredido a socos ao fiscalizar conveniência


Junto a outros profissionais, era feita fiscalização de medidas preventivas contra a covid no estabelecimento

Agente sanitário foi agredido a socos em São Gabriel do Oeste na noite deste sábado (29) enquanto fiscalizava conveniência no Bairro Jardim Gramado, com objetivo de reforçar medidas preventivas contra a covid-19.

Conforme apuração feita pelo jornal Idest, o estabelecimento tinha algumas pessoas sem máscaras de proteção facial e ingerindo bebidas alcoólicas. A proprietária foi orientada a não atender esses clientes em função do decreto municipal que proíbe consumo desses produtos nas ruas ou em comércios.

Na sequência, quando foram fotografar o ambiente, um homem foi em direção a eles e desferiu socos na boca da vítima, que teve ferimentos e saiu sangrando. Os fiscais acionaram a Polícia Militar, que registrou o caso, mas até o momento, o suspeito não foi localizado pelas autoridades.

Fiscalização - Assim como diversos municípios sul-mato-grossenses, a região passa por situação crítica, com aumento de casos confirmados e falta de leitos no Hospital Municipal, tendo inclusive seis pacientes entubados a espera de vagas em UTI (Unidade de Tratamento Intensivo).

Por isso, foi decretada proibição do consumo de bebidas alcoólicas e alimentos em conveniências, bares e similares, além do toque de recolher.


Fonte: Campo Grande News