Terca-Feira, 19 de Outubro de 2021

Temporal e ventos fortes causam alagamento e queda de árvores em municípios de MS


Além disso, também houve destelhamento e queda de postes
Em Ribas do Rio Pardo, carro cai em valeta - Foto: Divulgação/Rio Pardo News

As chuvas e os ventos intensos que estão ocorrendo em Mato Grosso do Sul neste domingo (10) causaram alagamentos, queda de árvores e destelhamento em algumas cidades do Estado.

Em Três Lagoas, por exemplo, a forte chuva com vento e granizo arrancou telhas e a fachada da recepção do Balneário Municipal da cidade, além da queda de muitas árvores e rompimento de um cabo de alta tensão.

Com isso, a Defesa Civil recomendou que o local fique fechado até a realização dos reparos necessários.

Em Ribas do Rio Pardo, conforme informações do site Rio Pardo News, na manhã de hoje, um veículo de passeio ficou preso após cair em uma pequena valeta no meio da rua.

Além disso, na cidade teve diversos pontos de alagamentos por conta do temporal.

Em Campo Grande, segundo o Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul, das 18h de sábado até por volta das 13h de domingo, foi registrado queda uma árvore e de um poste, na rua Abrahão Caetano de Macedo.

No entanto, somente ontem o Corpo de Bombeiros registrou 12 solicitações sobre queda de árvores na Capital.

QUANTIDADE DE CHUVA

Conforme o meteorologista Natálio Abrahão, até às 15h, Campo Grande registrou média de 39,5 milímetros de chuva.

Na região da Vila Popular choveu 33,0 mm; Carandá Bosque e Parque dos Poderes 40,8 mm.

Até o mesmo horário, em Dourados choveu 49,3 mm; Rio Brilhante 40,8 mm e Ivinhema 22,3 mm.


Fonte: Correio do Estado