Terca-Feira, 26 de Outubro de 2021

Autuações em rios de MS diminuíram 78% durante feriado prolongado deste ano


Balanço divulgado pela PMA, aponta que neste ano houve uma redução de 78% no número de pessoas autuadas, em relação a 2020.
Policial Militar Ambiental recolhendo petrechos de pesca ilegal durante operação (Foto: Divulgação)

A mais tranquila desde 2009. Assim foi a operação Padroeira do Brasil, realizada pela PMA (Polícia Militar Ambiental) combater a pesca predatória durante feriado prolongado, entre os dias 9 e 12 deste mês, em rios de Mato Grosso do Sul.

A combinação entre “dias de folga” e a proximidade da piracema, onde vários cardumes já se encontram formados, a quantidade de turistas e pescadores se intensifica em rios do Estado, fazendo com que as fiscalizações também aumentem.

Balanço divulgado pela PMA, aponta que neste ano houve uma redução de 78% no número de pessoas autuadas, em relação a 2020. No total, foram autuadas 10 autuações por infrações ambientais em 2021 e 45 na operação anterior. As infrações por pesca foram as que tiveram maior redução. Foram apenas 3 autuados neste ano enquanto em 2020 foram 35. A quantidade de pescado apreendida teve uma redução de 98%,foram 2kg apreendido neste ano contra 106 kg no ano passado.

As multas aplicadas também tiveram uma significativa redução, foram R$ 92 mil nessa operação e R$ 206 mil em 2020. Com relação a crimes não relativos com a causa ambiental, 2 pessoas foram presas por porte ilegal de arma, 2 armas de fogo e 14 munições foram apreendidas.


Fonte: CampoGrandeNews